Mito 7: “A prostituição faz parte da luta histórica das mulheres para controlarem o seu corpo.”

Na década de 1970, na Europa, as mulheres lutaram pelo reconhecimento dos seus direitos reprodutivos e sexuais, em particular o direito ao aborto seguro. Denunciaram a desigualdade de género estrutural e, portanto, contestaram qualquer autoridade que quisesse impor-lhes os seus pontos de vista sobre os direitos humanos das mulheres: religião, tradição, mercado· A mercantilização da … Ler mais

Mito 6: “Prostituição é sobre liberdade sexual. A abolição é anti-sexo.”

Sejamos mais rigorosos: estamos a falar da liberdade sexual de quem? Todas as pessoas concordam que a liberdade sexual consiste em desfrutar de saúde e direitos sexuais em igualdade e livre de qualquer discriminação, coerção ou violência (cf. definição da Organização Mundial de Saúde). A prostituição não é sobre sexo, é sobre poder: a compra … Ler mais

Mito 5: “A prostituição traz imenso dinheiro.”

A quem? Na Europa e de acordo com dados da Interpol, um proxeneta embolsa anualmente 110 000 euros por cada mulher que mantém na prostituição. Se a prostituição é um bom trabalho, porque é que a maioria das mulheres na prostituição não possui um carro, um apartamento ou não economiza para o futuro? A ideia … Ler mais

Mito 4: “É uma escolha.”

«Se as mulheres tivessem mais opções económicas nesta sociedade, elas não escolheriam ser abusadas na prostituição», diz Fiona Broadfoot, sobrevivente do sistema da prostituição no Reino Unido. A escolha está sempre relacionada com um contexto. Hoje, na Europa, a igualdade de género não é uma realidade: basta olhar para as diferenças salariais (16%), para a … Ler mais

Mito 2: “É um trabalho como outro qualquer.”

Conhece algum outro trabalho onde as pessoas enfrentem uma mortalidade 10 a 40 vezes acima da média? Onde 60 a 80 por cento das «trabalhadoras» sejam sujeitas a abusos físicos e sexuais regularmente? Se isto é um trabalho como outro qualquer, porque é que tão poucas mulheres da Europa Ocidental aproveitam a oportunidade? Porque é … Ler mais

Mito 1: “A prostituição é a mais velha profissão do mundo.”

Alteremos a perspectiva: o proxenetismo é que pode de facto ser considerado a mais antiga profissão do mundo. Em qualquer caso, só porque algo já existe há muito tempo não significa que não possa ser mudado. Nós não dizemos «o homicídio existe desde sempre logo não podemos fazer nada acerca disso». Veja-se a pena de … Ler mais