Mito 3: “A prostituição proporciona independência económica, em particular das mulheres migrantes.”

Em tempos de crise económica, com desemprego elevado e atitudes racistas a emergirem, seria muito fácil dizer que a prostituição é uma solução para as mulheres em geral e para as mulheres migrantes em particular. Que inclusive ajudaria a reduzir as taxas de desemprego! Mas para as mulheres migrantes, os verdadeiros problemas dizem respeito a direitos de reagrupamento, reconhecimento de qualificações e acesso ao mercado de trabalho.

A independência económica não deve ser obtida à custa de maus-tratos e abusos. No século XXI, temos de fazer melhor!

Deixe um comentário