Not A Choice, Not A Job

Saber mais

Janice Raymond demonstra que a prostituição não é sexo, mas sim exploração sexual, e que legalizar e descriminalizar o sistema da prostituição promove o tráfico sexual, incentiva a expansão da indústria do sexo e convida a intervenção de crime organizado.

Especificamente, Raymond apresenta como a legalização da prostituição na Holanda, Alemanha, Austrália e Nevada (EUA) faz com que o crime aumente e coloca as mulheres em risco. Raymond compara esta abordagem com aquela defendida pelo modelo nórdico de perseguição a proxenetas, bordéis e clientes, que resulta em maior proteção para as vítimas e menos procura.

Leave a Comment